Escola sem Partido foi retirado definitivamente da pauta do Senado


Mais informação: Entre diversos retrocessos, uma vitória: o PLS 193/2016, que instituiria o programa Escola sem Partido, foi retirado, no último dia 20, definitivamente da pauta do Senado Federal, a pedido do próprio autor, senador Magno Malta. O PLS já estava pronto para ser avaliado pelo plenário da Casa, porém, o parlamentar capixaba solicitou a retirada de sua proposição, já prevendo uma derrota, haja vista que o projeto tinha tido parecer contrário  na Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado.

Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »